O músico John Oswald cunhou o termo Plunderphonics em 1985, num artigo chamado "Plunderphonics, or Audio Piracy as a Compositional Prerogative (Plunderphonics ou Pirataria de Audio como prerrogativa composicional)".

 

Isso que eu faço.