Emilly

 

MEU QUINTAL

 

É um quintal que na frente é de terra e tem um pasto pra minha égua e pro cavalo do meu irmão, cercado de palete e um galinheiro, do lado tem duas baias. A parte de trás do meu quintal é tudo cimentado, tem um tanque, um armário com as rações dos cavalos, galinhas, porco e cachorro. Tem também um chiqueiro e algumas plantas, tem um pé de mamão que tem uma história da minha vida. Eu e minha mãe morávamos sozinhas, sem meus irmãos. Por que sem meus irmãos? Porque todos os meus irmãos tinham ido embora, porque minha mãe estava com depressão e dava algumas crises. Aí nesta época minha mãe plantou esse pé de mamão, mas nunca nascia. Aí, depois que minha mãe se internou, e batizou na igreja, o pé de mamão começou a crescer como nunca e ficou muito bonito.

 

E hoje em dia minha família está toda junta novamente, graças a Deus, eu tenho no meu coração que, enquanto esse pé de mamão estiver lá, minha mãe vai ter muita vida.

 

HISTÓRIA DA BEIRA DO RIO

 

Teve um certo dia que minha professora de português me deu um trabalho. Observe: essa história é baseada em fatos reais. O trabalho era sobre teatro. Eu fiquei puta de raiva porque eu não gostava de teatro. Aí tá, meus amigos tiveram a ideia de fazer o teatro atrás da minha casa, porque lá tem um rio e o teatro tinha a ver com rio. Affffss. Mas quando fomos ensaiar e gravar lá o teatro na beira do rio, fiquei muito inspirada para poder fazer o teatro, a natureza me trouxe coragem e acabou que nosso teatro foi o melhor, pra quem não gostava de teatro, né?

 

Obs. Me perdoe pelas palavras. Emilly.